10 de março de 2014

A tecnologia na fabricação dos carros



Escolher o modelo do carro novo e poder comprá-lo é um momento bem prazeroso, mas você já parou para pensar no conjunto de fatores que levaram à construção daquele modelo? Quem é aficionado por mecânica, não deixa de lado a curiosidade em descobrir os passos de desenvolvimento pelo qual o carro passou para ser apresentado como é hoje.

Não é fácil dizer qual é o melhor fabricante, cada um brigaria por seu produto. Mas é inegável que a tecnologia ofereceu à indústria automobilística a possibilidade de realizar sonhos dos apaixonados por velocidade e junto a isso, manter a segurança do motorista.

O processo de fabricação de um automóvel reúne uma série de passos, feitos ora por funcionários ora por robôs. Mas há uma longa história por trás da rapidez em que hoje em dia um carro é montado - cerca de 24 horas em média. Um ano que marcou a história do automobilismo foi 1886 quando foi criado o automóvel moderno pelo alemão Karl Benz, chamado de Benz Patent-Motorwagen, criado para ser movido a motor.

É claro que um veículo, inicialmente com a finalidade de locomoção básica para diminuir distâncias, sofreu vários processos até chegar ao que hoje conhecemos. Por isso a história é divida em eras, de acordo com os meios comuns de propulsão, ou seja, os tipos de motores que foram testados.

Atualmente, apesar do Brasil não ter uma marca nacional, 80% das peças para montagem já são produzidas no país, São Paulo é o Estado que mais conta com fábricas, são 7 e há projetos para a construção de mais 4 até o fim do ano.

Há muito mais alternativas atualmente para escolher um carro, não só pela utilidade mas também pelo conforto e beleza, isso inclui cores, designer, acessórios. Há equipamentos que já começam a fazer parte do conjunto porque oferece algum tipo de facilidade para o motorista ou reforça a sua segurança.

E por isso o mercado abrange essa parcela, assim podemos citar os rastreadores, que ganham mais compradores porque une segurança e tecnologia sem para isto ter que desembolsar muito, o GPS e a câmera de réque facilita a vida dos motoristas também são bons exemplos.

Outros equipamentos também entram no roll para oferecer um pouco de diversão em dias de trânsito pesado, como som e DVDs. E mais uma vez a tecnologia traz para o mercado novidades, chamada de central multimídia, une em um só produto câmera de ré, DVD, som, bluetooth, tudo em um único painel central no automóvel.

É de se esperar também que a tecnologia desenvolva produtos que tenham a finalidade de oferecer benefícios para os usuários, porém também não polua tanto a natureza, como o combustível usado. A promessa é o biodiesel, sua queima não libera compostos de enxofre na atmosfera, coisa que a gasolina faz, mas que por motivos técnicos,  ainda não é vendido puro.

Que avanço tecnológico você aponta como mais importante no automobilismo?        

Nenhum comentário: