28 de junho de 2013

Com a falta de táxis nas cidades brasileiras, empresas de aluguel de veículos ganham espaço na Copa das Confederações

Com a falta de táxis nas cidades sedes da Copa das Confederações, uma das saídas é o aluguel de carro. Fortaleza, por exemplo, registrou a maior defasagem do país em relação às frotas de táxi, ficando atrás de São Paulo, Rio de Janeiro e Salvador. Segundo a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), o aeroporto da capital cearense contará com 270 táxis. Antes, eram apenas 190.

Hoje Fortaleza possui um total de 4.392 táxis para atender 2,5 milhões de pessoas. A Lei Orgânica Municipal obriga que sejam, no máximo, 500 pessoas por veículo. A média na cidade é de 558. É por isso que empresas como a Localiza rent a car, estão disponibilizando seus serviços aos turistas, garantindo o ir e vir de quem está visitando a região e pretende assistir os jogos da Copa.

Segundo a Secretaria de Estado e Turismo (Setur-CE), o número de turistas locais que estão em Fortaleza é de 61%. Os outros 35,9% são visitantes de outros Estados e, apenas 2,7%, são estrangeiros vindos de outro país como México, Estados Unidos, Espanha, Alemanha, França e Holanda.

Nenhum comentário: